Para uma melhor experiência neste site, utilize um navegador mais moderno. Clique nas opções abaixo para ir à página de download
Indicamos essas 4 opções:

Google Chrome Opera Mozilla Firefox Microsoft Edge
Ok, estou ciente e quero continuar usando um navegador inferior.

Celebre o Pinot Noir Day com uma jornada de sabor real na Vigna Mazon, em Urussanga

Vinho do Rei Sol e com uma história milenar, será celebrado no tradicional almoço “La Domenica”, dia 20 de agosto

Por Ligado no Sul16/08/2023 13h41
Foto/Divulgação

A Vigna Mazon, em Urussanga, convida a todos os amantes do vinho a se juntarem à celebração internacional do Pinot Noir Day. Será neste domingo (20), a partir das 11h, com uma programação especial do já tradicional almoço “La Domenica”, para degustar o vinho produzido com a famosa uva que cativou o paladar de reis e imperadores por séculos.

“Desde as vinhas pitorescas da região da Borgonha até o copo elegante, a Pinot Noir tem sido a protagonista de mais de dois mil anos de história na produção de vinhos tintos finos. Essa uva de complexidade e sutileza únicas, conhecida por suas pequenas uvas de casca fina, revela um espetáculo de aromas de frutas vermelhas, como cerejas, framboesas e morangos, bem como toques de cogumelos e especiarias, enriquecendo o paladar de maneira excepcional”, explica a sommelier Luiza Mazon.

Para marcar o Dia Internacional da Uva Pinot Noir , a vinícola organizará uma degustação única e refinada, das 11h às 13h. Os visitantes terão a oportunidade de degustar os renomados Attimo Brut , um espumante elaborado com as uvas Pinot Noir e Chardonnay, estas últimas também desempenhando um papel essencial na produção de espumantes como os da região de Champagne. “A experiência será enriquecida com uma seleção de antepastos cuidadosamente escolhidos, incluindo legumes grelhados, torradas e sinfonia de patês, queijos variados e autêntico salame colonial assado na brasa”, ressalta Patrícia Mazon, chef e proprietária da Vigna Mazon.

O almoço, programado para às 12h30, apresentará uma seleção de pratos principais que harmonizam perfeitamente com o caráter complexo e sutil da Pinot Noir. “Desde o nhoque aos 4 queijos, o Pappardelle di Montagna (cogumelos e espinafre) até o frango colonial com polenta, lombinho suíno e abacaxi, contra-filé grelhado na parrilla, a culinária irá destacar a versatilidade dessa uva excepcional”, elenca Patrícia.

Pinot Noir a uva dos reis

A Vigna Mazon celebra a herança rica e atemporal da uva Pinot, considerada a uva dos reis. O Rei Luís XIV, também conhecido como o Rei Sol, elevou o Pinot Noir a um patamar de excelência, preferindo o champanhe, derivado desta uva, desde os seus 16 anos. “Essa preferência real não apenas influenciou o gosto refinado da nobreza, mas também desencadeou rivalidades entre as regiões vinícolas da França, com alguns dizendo que a região de Champagne estava sendo favorecida injustamente. Essa tradição perdura, e Napoleão Bonaparte, o Imperador da França, também demonstrou sua paixão pela bebida borbulhante,” finaliza o diretor de produção da vinícola, Toninho Freitas.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Compartilhe essa notícia

VER MAIS NOTÍCIAS