16/04/2021  às 16hs04

Política

Ex-Secretários e empresários de Orleans são absolvidos por unanimidade no TJSC

Na denúncia o Ministério Público de Santa Catarina acusava Marcelo Galvane, Henry Hilbert, Gustavo Henrique Hilbert e Udir Luiz Pavei da prática de peculato na compra de mata burros



O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC), na tarde de hoje (15/04), por unanimidade, deu provimento aos recursos feitos pelas defesas dos acusados Udir Luiz Pavei, Marcelo Galvane, Henry Hilbert e Gustavo Henrique Hilbert para absolvê-los da acusação do crime de peculato.


O processo é originário da Operação Colina Limpa, ocorrida em Orleans no ano de 2014, época em que o ex-vereador Dija e Marcelo exerciam as funções de Secretário Municipal de Infraestrutura e Secretário Municipal de Administração, respectivamente.


Na denúncia o Ministério Público de Santa Catarina acusava Marcelo Galvane, Henry Hilbert, Gustavo Henrique Hilbert e Udir Luiz Pavei da prática de peculato na compra de mata burros pela Prefeitura Municipal de Orleans, sem que restasse demonstrado o devido fornecimento.


No julgamento ocorrido na tarde de hoje, o TJSC entendeu que não existiu prática criminosa e dano ao erário (patrimônio público) para justificar a condenação por peculato dos acusados, pois restou demonstrado o fornecimento de todos os mata-burros adquiridos pela Prefeitura de Orleans à época, impondo a reforma da sentença prolatada pelo juízo de Orleans, e absolvendo todos os acusados.


A defesa de Marcelo Galvane, Henry Hilbert, Gustavo Henrique Hilbert foi conduzida pelos advogados Ramirez Zomer, Rodrigo Pavei e Juliano do Nascimento, do escritório Zomer, Pavei & Nascimento Advogados Associados, já a defesa de Udir Luiz Pavei foi feita pelo advogado Fernando Pavei e Rodrigo Pavei.


16/04/2021  às 16hs04