11/10/2019  às 10hs42

Economia

Novos serviços digitais aproximam empregador e trabalhador

O aplicativo Sine Fácil permite que a empresa cadastre vagas e consulte currículos disponíveis no sistema e que os profissionais consultem as oportunidades disponíveis.


Foto: Divulgação

Foto: Divulgação


Entre as ações de políticas públicas de emprego do Ministério do Trabalho, se destacam o aplicativo Sine Fácil, os cursos online para qualificação do trabalhador e a Carteira de Trabalho Digital. Conforme o ministro do Trabalho, Helton Yomura, afirmou que o objetivo é que o Ministério seja um facilitador na comunicação entre empregador e trabalhador.


SineFácil – Aplicativo móbile criado para empregadores terem acesso a serviços de intermediação de mão de obra oferecidos pela Rede Sine, o Sine Fácil Empregador já está disponível para download. Por meio dessa plataforma, o empregador pode cadastrar vagas, consultar currículos disponíveis e o nome dos candidatos habilitados no banco de dados do Ministério do Trabalho, além de convocar trabalhadores para entrevistas e processos seletivos sem nenhum contato presencial. Tudo feito por meio digital.


Para baixar o Sine Fácil gratuitamente, basta acessar a loja de aplicativos do celular. O Sine Fácil Empregador irá interagir com o Sine Fácil Trabalhador, onde os trabalhadores poderão consultar vagas de emprego disponíveis de acordo com o perfil profissional. É possível incluir informações como: exigências, benefícios, valor do salário, localidade e tipo de contratação. Se o trabalhador se interessar pela vaga, com um clique em “Quero Esta Vaga”, ele será direcionado para agendar a entrevista. Esse serviço facilita a busca pela vaga disponibilizada pelo empregador.


Carteira de Trabalho Digital – A Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) é um documento obrigatório para toda pessoa que venha a prestar algum tipo de serviço. Visando modernizar o acesso às informações da vida laboral do trabalhador, o Ministério do Trabalho (MTb) lançou a Carteira de Trabalho Digital. Essa nova ferramenta é uma extensão da carteira de trabalho impressa, e está disponível para os cidadãos através de um Aplicativo para celular nas versões iOS e Android e Web.


Seguro-Desemprego - Para encaminhar o Seguro-Desemprego, o trabalhador pode fazer o pedido imediatamente pelo aplicativo, por onde preencherá o formulário que hoje é respondido no Sine. O prazo de 30 dias para receber o benefício começará a contar a partir deste momento. O profissional poderá, ainda, consultar o número de parcelas, valor, situação e data prevista para pagamento.


Cursos Online – A Escola do Trabalhador do Ministério do Trabalho oferecerá aos trabalhadores cursos online. Entre eles, estão cursos de português para venezuelanos, agente de microcrédito, empreendedorismo digital, identidade visual e gestão de clientes, introdução à animação, introdução ao Arduino, Excel intermediário, gestão cultural e economia solidária. A eles é aplicada a estratégia de “gamificação”, ou seja, o ensino com ajuda de jogos eletrônicos. Para participar, basta ter um computador ou aparelho móvel com conexão à internet. 


ASCOM Ministério da Economia


11/10/2019  às 10hs42